Neve na primavera



Seattle, 1933. Vera Ray dá um beijo no pequeno Daniel e, mesmo contrariada, sai para trabalhar. Ela odeia o turno da noite, mas o emprego de camareira no hotel garante o sustento de seu filho.
Na manhã seguinte, o dia 2 de maio, uma nevasca desaba sobre a cidade.
Vera se apressa para chegar em casa antes de Daniel acordar, mas encontra vazia a cama do menino. O ursinho de pelúcia está jogado na rua, esquecido sobre a neve.
Na Seattle do nosso tempo, a repórter Claire Aldridge é despertada por uma tempestade de neve fora de época. O dia é 2 de maio. Designada para escrever sobre esse fenômeno, que acontece pela segunda vez em setenta anos, Claire se interessa pelo caso do desaparecimento de Daniel Ray, que permanece sem solução, e promete a si mesma chegar à verdade. Ela descobrirá, também, que está mais próxima de Vera do que imaginava.
Esse era um livro que estava na minha lista de leitura há algum tempo e acabei deixando pra depois devido ao clube do livro e a parcerias. Eu nunca tinha lido nada da Sarah Jio antes e gostei muito do modo como ela escreve.
O livro conta a história de duas mulheres que viveram na cidade de Seattle, mas em épocas diferentes. Vera Ray era uma mãe solteira que viveu na década de 30, como ela criava seu filho (Daniel, de 3 anos de idade) sozinha, precisava trabalhar no turno da noite como camareira em um hotel de luxo. Uma noite, ela teve que deixar o menino sozinho em casa para ir trabalhar, e, quando voltou, não o encontrou na cama. Uma forte nevasca fora de época caía sobre a cidade e ela encontrou o urso de pelúcia de Daniel do lado de fora da casa no meio da neve. Ela tenta de todos os modos encontrar seu filho, mas a polícia não dá muita atenção ao caso e diz que o menino provavelmente voltará em breve.
Claire é uma jornalista que, ao acordar no dia 2 de maio de 2011, se surpreende ao ver neve caindo do lado de fora da janela de seu apartamento. Logo em seguida, ela recebe uma ligação de seu chefe dizendo que esse fenômeno já aconteceu antes. na mesma data, e pede que ela escreva uma matéria sobre isso. Ao pesquisar os arquivos dos jornais de 1933, ela acaba encontrando a história do desaparecimento de Daniel Ray e começa a se identificar com a história de Vera, já que ela também sofreu uma perda recente. Conforme ela vai pesquisando sobre a história para sua matéria, acaba descobrindo que é muito mais próxima de Vera e Daniel do que poderia imaginar.
A história do livro é emocionante e, mesmo quem ainda não é mãe, consegue se identificar tanto com Vera quanto com Claire. Ele é escrito em capítulos alternados entre as histórias das duas e, apesar da história ser triste, ela passa uma lição de esperança, o que faz com que seja muito bonita. A única coisa que eu não gostei muito foi do final de Claire, achei que ele poderia ter sido mais explorado, mas mesmo assim é um livro que recomendo e pretendo ler outros livros da autora em breve.

E vocês, já conheciam esse livro? Tem outros livros dessa autora para indicar?

19 comentários:

  1. oie esse é o meu tipo de livro! amei a resenha, gosto desse suspense que nos faz ficar ainda mais submergidos na vida dos personagens...


    Ciranda da Bailarina

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Bom post!

    Eliana,
    https://around-eliana.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  3. Eu não conhecia não, mas acho que o enredo é bem original e interessante. Bjos

    ResponderExcluir
  4. Uau! Achei bem interessante a forma como a história das duas vão se cruzar durante o livro, parece uma das histórias do Nicholas Sparks, gostei. Também nunca li nada dessa autora.

    Beijos!
    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
  5. Me diz POR FAVOR que eu não sou a úncia que nunca escutou falar nesse livro! Não é o tipo de livro que eu costumo ler mas o fato dela ter tido uma perda recente me "animou" a ler, adicionei a minha lista imensa de livros a serem lidos! Amo suas resenhas, você é maravilhosa!! <3

    www.antesdaprimavera.com.br

    ResponderExcluir
  6. Não conhecia esse livro, mas achei bastante interessante a história é tanto que já vou aqui guardar o nome desse livro para minhas futuras comprinhas.
    beijos!
    www.garotadelicada.com.br

    ResponderExcluir
  7. Quero ler, fiquei curiosa e animada para ler.
    Com a faculdade não tenho mais tempo de ler:(
    Beijos!

    http://dearitgirl.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi, Bianca!
    Já vi muito esse livrinho, mas nunca busquei saber nada dele e posso dizer que o seu comentário sobre ele foi o único que li até então. E eu gostei muito. Parece uma história bem dramática e eu adoro.
    Com certeza vou quer.

    Bjão.
    Diego, Blog Vida & Letras
    www.blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia este livro, mais me interessei muito por ele. Amei a resenha
    ❥Um super beijo❥

    http://ladorosadomundo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Hi, I like the title of this book! :) Btw nice blog... would you like to follow each other on GFC? Please let me know on my blog leaving a comment so I can follow back. Thank you.
    http://thatisammore.blogspot.it/
    That’s amore ♥ ♥ ♥

    ResponderExcluir
  11. Oi Bianca,
    Essa capa sempre me deixa suspirando... Toda delicada.
    Quero ler esse livro, até porque também não li nada da autora.
    E agora tenho uma boa recomendação!
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Já vi várias resenhas sobre esse livro e realmente fiquei interessada em ler. Parece ser uma misto de mistério envolvendo muitas emoções, pelo que descreveu. Gostei bastante *-* Seu post ficou ótimo!

    http://www.leitorasvorazes.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Eu já li Violetas de Março dessa autora e simplesmente adorei :3 Eu me interessei pela história, adoro histórias cruzadas e jeito como essa autora escreve é sempre muito legal :3 Gostei da indicação!

    www.vestindoideias.com

    ResponderExcluir
  14. Já gostei só de olhar essa capa fofa. A história parece muito emocionante, o tipo de livro que eu adoraria ler :)
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
  15. Nunca tinha ouvido falar do livro e nem da autora, Bianca, mas gostei da resenha. Fiquei querendo ler e saber o desfecho da história.

    Um beijo!
    Heeey, Maria! | Fanpage

    ResponderExcluir
  16. Parece ser bem gostosinha a história. Já tinha visto o livro por aí, mas ele por enquanto não chamou muito minha atenção ao ponto de querer ler. Mas gostei de sua resenha, beijos.
    http://recolhendopalavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi Bianca,
    Só vejo elogios em relação aos livros da Sarah.
    ainda não tive a oportunidade de ler nada dela. Mas pretendo mudar isso em breve.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Twitter

    ResponderExcluir
  18. Não conhecia a autora ou o livro, mas adorei a sinopse e me interessei, com certeza vai para a lista (enorme!) de leitura, adoro histórias que mesclam tempos diferentes!
    xoxo

    ResponderExcluir
  19. Nossa, eu fiquei ENCANTADA por esse livro. Eu preciso ler urgentemente. Adorei sua resenha, me deixou extremamente curiosa.

    Café, Vodka e Literatura

    ResponderExcluir

Comentários sobre o post são sempre bem-vindos, mas comentários do tipo "Legal, passa no meu blog" serão ignorados.
Nem sempre respondo os comentários aqui, mas se seu comentário foi sobre o post, com certeza irei responder no seu blog.