Quem é você, Alasca?



Miles Halter é um adolescente fissurado por célebres últimas palavras que, cansado de sua vidinha pacata e sem graça em casa, vai estudar num colégio interno à procura daquilo que o poeta François Rabelais, quando estava à beira da morte, chamou de o "Grande Talvez". Muita coisa o aguarda em Culver Creek, inclusive Alasca Young, uma garota inteligente, espirituosa, problemática e extremamente sensual, que o levará para o seu labirinto e o catapultará em direção ao "Grande Talvez".

Assim que comecei a ler esse livro, ele me lembrou muito O Teorema Katherine, também do John Green. Ele focava mais na vida do personagem principal, sua obsessão pelas últimas palavras de pessoas importantes e sua mudança de escola e estado, ele morava na Flórida e foi para um colégio interno no Alabama. Essa é basicamente a parte do "antes" (o livro é dividido em "antes" e "depois"), um livro bem leve e gostoso de ler.
Na segunda parte do livro, o "depois", o tom muda um pouco e além de ficar triste, passa a ter um pouco de mistério e tentamos descobrir junto com Miles e Chip o que realmente aconteceu com Alasca Young.
Eu não chorei com "A Culpa é das Estrelas", mas chorei na segunda parte desse livro, acho que não estava esperando o rumo que a história tomou e acabei levando um choque.
É um livro fácil e bem rápido de ler, os capítulos são distribuídos em forma de diário, o que facilita a leitura e a torna mais leve. Se você gosta dos livros do John Green, com certeza vai gostar desse também. Leitura recomendada!

3 comentários:

  1. Confesso que não sou muito fã dele como escritor :~
    Mas acho que é meu preconceito pela culpa é das estrelas hahahah
    Um beijo,
    Isabella
    The Urban Trends

    ResponderExcluir
  2. Esse livro me lembrou as vantagens de ser invisivel hahaha
    e é o meu favorito do John *_*

    ResponderExcluir
  3. Legal! eu já estava de olho nesse livro e acho que ele vai ser meu próximo! Estou terminando As Sete Irmãs da Lucinda Riley [estou adorando como sempre!]
    beijos

    ResponderExcluir

Comentários sobre o post são sempre bem-vindos, mas comentários do tipo "Legal, passa no meu blog" serão ignorados.
Nem sempre respondo os comentários aqui, mas se seu comentário foi sobre o post, com certeza irei responder no seu blog.