O Evangelho Segundo Jesus Cristo


Menos interessado na onipotência do divino que na frágil mas tenaz resistência do humano, Saramago reconta de forma irônica e crítica uma das histórias mais conhecidas no ocidente, dotando-a de corpo, cheiro, sensações, ambiguidades e novos significados recônditos.

O meu primeiro contato com Saramago foi na faculdade quando a professora de Literatura Portuguesa pediu para que lêssemos "O Ensaio Sobre a Cegueira", no começo senti dificuldade para ler por causa do estilo do autor, a pontuação de Saramago não é a pontuação tradicional que estamos acostumados. Depois que me acostumei com isso praticamente devorei o livro e ele entrou para os meus favoritos.
Fiquei muito tempo sem ler mais nada dele até que apareceu "O Evangelho Segundo Jesus Cristo" na minha lista de recomendações do Skoob. Quem não conhece, pode pensar que é um livro religioso, mas não é. Nele, Saramago reconta a história mais famosa do mundo, a de Jesus Cristo, de uma forma mais humanizada.
Esse livro é bem polêmico e sofreu muita pressão da igreja católica em Portugal. Por causa dessa pressão, o governo português vetou o livro de uma lista de romances portugueses candidatos ao Prêmio Aristeion, que premiava literatura contemporânea européia. Reagindo a isso, Saramago abandonou Portugal e passou a viver em Lanzarote, nas Ilhas Canárias até a sua morte.
 Eu gostei muito do livro e passei a admirar mais ainda Saramago depois de lê-lo, ele era ateu e conseguiu escrever um livro que cita várias passagens bíblicas com perfeição. Acredito que ele conseguiu completar muito bem as várias lacunas que existem na história de Jesus Cristo contada na bíblia.

3 comentários:

  1. Meu primeiro contato com Saramago também foi através do ensaio sobre a cegueira e, eu realmente curti, apesar de achar o final totalmente esperado né. Mas nunca mais li/procurei sobre o autor, só que lendo essa resenha, a história realmente despertou minha curiosidade! Vou procurar em pdf para poder ler :D
    Um beijo,
    Isabella
    The Urban Trends

    ResponderExcluir
  2. Nossa, só de pensar em polêmica e num autor ateu e já fiquei morrendo de vontade de ler, eu juro! Entrou para a minha listinha hahaha vou ler com certeza! Ótima dica =)
    Beijos!

    www.entorpecendo.com

    ResponderExcluir
  3. Saramago sempre é um cara genial. Já li ensaio sobre a cegueira também. Esse parece ser bacana, mas ando com muito pouco tempo para dedicar a leitura de livros árduos como os dele! XD

    Beijos.
    www.jadeamorim.com

    ResponderExcluir

Comentários sobre o post são sempre bem-vindos, mas comentários do tipo "Legal, passa no meu blog" serão ignorados.
Nem sempre respondo os comentários aqui, mas se seu comentário foi sobre o post, com certeza irei responder no seu blog.