BC: O que é independência para mim?



Este post faz parte da blogagem coletiva do Rotaroots, um grupo de blogueiros saudosistas que resgata a velha e verdadeira paixão por manter seus diários virtuais. Quer participar? Então faça parte do nosso grupo no Facebook e inscreva-se no Rotation.

Ser independente é não depender de nada ou ninguém, ser livre. Existem vários tipos de independência, a mais comum delas é a financeira.
Eu comecei a trabalhar formalmente tarde, aos 22 anos. Antes disso eu só dava aulas particulares e não tinha um salário fixo no final do mês, o que fez com que eu fosse dependente financeiramente do meu pai por mais tempo. Aos 23 anos passei para meu primeiro concurso público e minha independência financeira começou aí.
Só que ser independente não tem só a ver com dinheiro. Acredito que cada um de nós é dependente de algo ou de alguém, não dá pra ser 100% independente o tempo todo. Tem gente que é super dependente da tecnologia, não consegue ficar um dia sem internet e tem até crises de abstinência. Outros são dependentes de remédios e drogas. A maioria das pessoas é dependente de alguém, você consegue viver totalmente sozinho? Sem amigos, família, parceiro? Eu não consigo! Preciso de gente ao meu redor como também preciso de algum tempo sozinha de vez em quando.
Independência é ter maturidade para assumir o controle da sua vida, arcar com as consequências das suas escolhas e ter humildade para perceber que por mais independentes que sejamos, precisamos de alguém ou de algo para nos ajudar a superar os obstáculos que sempre surgem.



Independência nada mais é do que ter poder de escolha. Conceder-se a liberdade de ir e vir, atendendo suas necessidades e vontades próprias, mas sem dispensar a magia de se viver um grande amor. Independência não é sinônimo de solidão. É sinônimo de honestidade: estou onde quero, com quem quero e porque quero.
(Martha Medeiros)

7 comentários:

  1. Bom dia, Bianca!
    Esse grupo tem uns assuntos bem legais, mas infelizmente não me deixam participar rsrsrs. Já tentei várias vezes, então...

    Hj postei miminhos lá na caverna e dedico a você também, caso queira participar.

    Abração, lindo dia e lambeijinhos no Shanti.

    ResponderExcluir
  2. Olha eu de novo! Já tentei comentar aqui mas não sei se foi, então vou falar de novo rs
    Meu conceito de independência é parecido com o seu. E a definição da Martha Meideiros é muito perfeita!

    ResponderExcluir
  3. Bianca, que lindo, pra mim a independência mais importante é a da mente. Uma mente livre é capaz de qualquer coisa! Beijos

    http://www.gotinhasdeesperanca.com

    ResponderExcluir
  4. independência, pra mim, tem muito a ver com o poder de escolha, mas, principalmente, tem a ver com a responsabilidade de arcar com as decisões da escolha, entende? Porque não tem como ser livre e não assumir os riscos de tomar uma ou outra decisão, compreende? (Nunca sei explicar isso pras pessoas hahhahaa)
    Mas enfim, essa definição da Martha Meideiros é maravilhosa, adorei demais hahah
    Beijão.

    ResponderExcluir
  5. Oi Bianca!
    Gostei do modo que tu abordou esse assunto.
    Eu ainda estou buscando minha sonhada independência.

    Beijos

    camilatuan.com

    ResponderExcluir
  6. Infelizmente existem muitas pessoas que acreditam que é sinonimo de solidão =/ eu sou dependente.. depois que fiquei desempregada me bateu um deanimo
    Depois que vc começa a trabalhar e consegue as coisas com seu esforço, vc não aceita ficar sem emprego =/

    Mas vai melhorar hahaha vai sei que vai
    Adorei seu texto =D
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sei como é isso. Quando eu saí do meu primeiro emprego, fiquei 6 meses desempregada e foi bem difícil. Espero que você encontre outro emprego e as coisas melhorem logo para você!
      Beijos

      Excluir

Comentários sobre o post são sempre bem-vindos, mas comentários do tipo "Legal, passa no meu blog" serão ignorados.
Nem sempre respondo os comentários aqui, mas se seu comentário foi sobre o post, com certeza irei responder no seu blog.