Os Maias

O que se faz ao longo dos dezoito capítulos deste romance de Eça é a dissecação da sociedade portuguesa de sua época, que ele se esmera em expor para apontar os males e a degeneração. Vêem-se, assim, no grande quadro social anatomizado pelo realismo de Eça de Queirós: o clero e a sua influência danosa ao pensamento e modo de vida portugueses; as moléstias sociais das média e alta burguesia lisboetas, com seus inúmeros e desastrosos casos de adultério; os ambientes literários e políticos, sua corrupção e tacanhice intelectual. Se é fato que a ironia é um dos grandes trunfos para a grandeza da escrita queirosiana, em Os Maias ela serve como potencializadora da tarefa trágica e também tão irônica do Destino. Talvez isso explique, em parte, a força de um romance, que, mais de um século depois de sua primeira publicação, é ainda capaz de atrair tantos leitores e de criar tamanho interesse.
Esse livro foi mais uma aquisição do Projeto Mais Leitura do Estado do Rio de Janeiro, também custou 2 reais. Eu sempre tive vontade de ler esse livro, primeiramente porque gosto muito das obras de Eça de Queirós e depois, por causa da minissérie inspirada nele que passou na Globo em 2001. Eu não assisti à minissérie na época, acho que só vi algumas cenas, mas depois de ler o livro, a procurei na internet e achei completa no youtube (tem que ter paciência para assistir, já que são 4 partes de quase 4 horas cada uma).
Quem já leu algum livro de Eça de Queirós sabe que ele é muito descritivo nas suas cenas e isso me ajudou a imaginar cada personagem e cada local do livro. Parecia que estava assistindo a uma novela de época e achei isso bem legal. A leitura não é das mais fáceis, já que o livro é bem antigo (de 1888), mas é muito boa para ampliar o vocabulário.

4 comentários:

  1. Oi, linda
    Antes de mais nada, adorei conhecer seu blog. Parabéns!
    Faz tempo que li o livro, achei-o muito chato na época, pela dificuldade de entender o vocabulário, mas a minissérie , mas o livro é uma excelente indicação.
    Bjosss, Sheyla.

    ResponderExcluir
  2. Conheço e amo.
    Assisti a minissérie , tbm amei .
    Bjs!!!
    pordosolblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Sou apaixonada por " O primo Basílio" e realmente como você citou, Eça é muito descritivo, porém vale cada parágrafo de leitura. Ótima indicação. Beijos.

    ResponderExcluir
  4. oi vim conhecer seu blog, como é bom fazer novas amizades, gostei to seguindo...te convido a conhecer meu espaço e se gostar siga tb...bjosss
    www.bybeiju.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Comentários sobre o post são sempre bem-vindos, mas comentários do tipo "Legal, passa no meu blog" serão ignorados.
Nem sempre respondo os comentários aqui, mas se seu comentário foi sobre o post, com certeza irei responder no seu blog.